Notícia: Escritora aborda frustrações destrutivas em conto

A escritora Celina Moraes, no conto Rumo ao topo numa canoa quebrada, traz uma história de amor, coragem e ousadia que mostra uma mulher buscando resgatar a jovem sonhadora que um dia foi, mas que se deixou consumir pelo poder destrutivo de frustrações não resolvidas e um desejo intenso de vingança. Este conto é um dos 50 contos selecionados que compõe a antologia Contos de Amor e Dor, publicada pela União Brasileira de Escritores (UBE).

O texto mostra história de Carol, uma moça que queria ser atriz. Bonita, pobre e muito romântica, quando mais jovem, ela morava numa pensão e sonhava viver numa cobertura de luxo. Certo dia, apaixona-se por um rapaz, esquecendo dela mesma e de suas aspirações. Porém, depois sente a dor de ver seus sonhos esmagados. “O coração destruído e humilhado da personagem a joga na sua sede por vingança”.

A inspiração para escrever o conto se deu quando voltava da casa de sua mãe, no interior de São Paulo. Naquele momento, lembrou-se de uma jovem que havia levado o fora do namorado na praia de Canoa Quebrada, em Fortaleza (CE). A garota achava que seria pedida em casamento durante a viagem, mas, na verdade, levou um fora. “A partir disso, criei essa trama”.

Sobre a escritora
Celina Moraes é escritora e seu romance de estreia Lugar cheio de rãs ganhou o Prêmio Lúcio Cardoso em 2010 da UBE-RJ. Celina também escreveu artigos para o jornal Diadema News entre 2014 e 2015. Em 2018, seu conto Rumo ao topo numa canoa quebrada foi um dos 50 selecionados para compor a Antologia de Contos: História de Amor e Dor, lançada pela UBE.

Booktrailer do conto

Serviço
Livro: Contos de Amor e Dor
Publicação:  União Brasileira de Escritores (UBE)
Preço: R$ 25,00
A antologia está disponível para venda apenas na UBE-SP e solicitações devem ser feitas pelo e-mail: secretaria@ube.org.br

Comentários