10 de agosto de 2018

Especial Bienal do Livro SP 2018: MSP e Panini anunciam crossover com DC Comics


Cinco dias após conquistar o recorde de maior gibi do mundo, a Mauricio de Sousa Produções e a Panini anunciaram na tarde desta sexta-feira (10) inédito crossover entre Turma da Mônica e os personagens da DC Comics, que, até então, nunca havia realizado tal projeto.


A "mistureba", como Mauricio de Sousa definiu, foi fruto de longos anos de negociação entre o estúdio norte-americano e o brasileiro intermediado pela editora. "Esta é uma ligação de amizade, ação, aventuras e nostalgia. Aprendi a ler lendo os gibis da DC e agora vendo a Turma em ação com esses super-heróis é sonho de criança se realizando", afirmou Mauricio.
Pôsteres das edições da Turma original e a Jovem - Foto: Divulgação


Em dezembro, na Comic Con Experience, um total de oito revistas serão lançadas, sendo seis da Turma da Mônica, uma da Turma da Mônica Jovem e outra do Chico Bento Moço, passando-se sobretudo no bairro do Limoeiro, com Mônica e sua turma a combater bandidos, como Capitão Feio e Coringa, ao lado de Superman, Aquaman, Mulher Maravilha, Batman, entre outros. 

Até semanas antes do lançamento, as capas de todas as revistas serão reveladas. "É mais um momento histórico para a Maurício de Sousa Produções e para a Panini. São os super-heróis queridos no Brasil e no mundo e com os super-heróis brasileiros queridos aqui e lá fora também", disse José Eduardo Martins, presidente da Panini Brasil.

Mauricio anunciou sua segunda novidade nesta Bienal
em uma semana - Foto: Daniela Garbez/Bio-Livros
Alice Takeda, diretora da MSP, detalhou o projeto - que foi inteiramente desenhado no Brasil por sua equipe. "Foi experiência incrível. Foi uma 'briga' no estúdio para decidir quem ia desenhar os personagens da DC, pois todos se achavam capazes. No fim, todos desenharam um pouco e saiu um excelente trabalho." Ainda acerca do tema, Mauricio disse que "a maioria dos roteiristas leram DC e Turma da Mônica, portanto, sabiam detalhadamente as características de cada personagem".

Novamente, Cebolinha e Mônica deram oi para o público
presente Foto: Daniela Garbez/Bio-Livros
O criador de Mônica e sua turma foi complementado por Marina Takeda e Sousa, sua filha e "braço-direito" de Mauricio na MSP. "Escolhemos os roteiristas a dedo. Foi um prazer e uma delícia fazer este trabalho." 

A filha - que inspirou a personagem de nome homônimo - ainda foi elogiada por seu pai. "Ela examina e orienta os redatores. Não é só meu braço-direito. É meu esquerdo, céu, terra... No começo era bem mais difícil, pois fazia tudo sozinho. Com o tempo, montei minha equipe. A Marina me observa desenhando desde criança e, hoje, ela desenha igual a mim. Ela está mais do que preparada."

Eric Cardoso, do grupo MSP, expressou o sentimento da maioria. "Estou muito satisfeito de ver como esses personagens podem se misturar e contribuir um para o outro. A cada roteiro que chegava, esboços e personagens ganhando traços foi muito bacana. Ver as capas também foi muito emocionante. E que seja apenas o começo."

*Colaboraram Daniela Garbez e Leonardo Mariano

Nenhum comentário:

Postar um comentário