18 de maio de 2018

Notícia: Premiada poeta cubana é publicada na Brasil


A poesia de Reina María Rodrígues, autora cubana ganhadora de prêmios como o Pablo Neruda (2014, Chile) e o Casa de las Américas (Cuba, 1984), aborda histórias pessoais e da Ilha de Fidel: vestígios do passado, descrições de quadros e imagens, flagrantes de cenas domésticas. A obra Remorsos para um cordeiro branco chega ao Brasil pela editora Penalux.

Paz e inocência exaltadas nesta obra não resultam de uma ingenuidade pueril, mas sim – como afirma Alexandra Vieira de Almeida, crítica e mestre em Literatura – de “uma voz que se expõe e mostra as pessoas e coisas que estão à sua volta. Reina não esconde as histórias do peito, repletas de conhecimentos das artes, das referências literárias, dos seres, dos lugares e dos objetos”. Em Remorsos para um Cordeiro Branco não são raras as referências a poetas, escritores e pintores, tais como Antonin Artaud, Alexandre Pushkin, Tintoretto, Goethe, entre outros. 

Sobre a autora
Reina María Rodríguez nasceu em Havana em 1952. É formada em Licenciatura e Literatura Hispano-americana e em Museologia. Poeta e narradora, tem mais de vinte livros publicados. Foi traduzida em diversas línguas, como o inglês, o italiano, o francês, o alemão, o russo, o árabe, o vietnamita, entre outras. Deu cursos e palestras nos Estados Unidos e na Europa. Recebeu muitos prêmios importantes, entre eles o Casa de las Américas de 1984; o Prêmio Nacional de Cuba de 2013; o Pablo Neruda do Chile, em 2014. Vive em Havana, na cidade velha, próximo ao Malecón, bem perto do mar.

Serviço
Livro: Remorsos para um cordeiro branco 
Autora: Reina María Rodrígues 
Especificações: 14 cm x 21 cm
Páginas: 132 
Preço médio: R$ 40,00

Nenhum comentário:

Postar um comentário