10 de maio de 2017

Notícia: Elicio Santos divulga suas obras mais recentes


O autor Elicio Santos está divulgando dois de seus trabalhos recentes: O Porquê das Coisas e Fábrica de Sonhos, publicações próprias.

Sinopse de O Porquê das Coisas: Andamos tão apressados e preocupados com a sobrevivência, que esquecemos de perceber a existência de um modo elevado, acima das trivialidades mundanas. A filosofia e as artes nos proporcionam essa visão, abrem-nos portas sensoriais novas. “O Porquê das coisas” não é um livro de filosofia, mas se atreve a filosofar. Não é um livro de artes, propriamente dito, mas carrega a sublimidade poética em todos os seus parágrafos. É uma obra simples que carrega a complexidade no “não dito” da estrutura semântica, embora ofereça uma leitura acessível. Traz leveza nas abordagens ao mesmo tempo em que preza fornecer desafios, pois o autor acredita que a literatura pode (com folga) ultrapassar a barreira do entretenimento.

Sinopse de Fábrica de Sonhos: Uma mulher que enfrenta a rotina duma penitenciária para perdoar a quem lhe tirou o maior bem. O conto “Caminho de Nuvens” foi publicado por uma revista especializada e o “Tempo Perdido”, selecionado para integrar uma antologia do gênero. O “Trevo de Duas Folhas” narra a trajetória de um escritor alcoólatra e morador de rua que sonha ser reconhecido, mas não move uma “palha” para tanto. A conversa franca entre um pastor e o arqui-inimigo de Deus registrada em “Fogo e Enxofre” parece uma tragicomédia religiosa hodierna. Em “A Luneta Mágica” há duas versões para um mesmo evento. A prostituta ou o reverendo: quem conta a verdade? O autor utiliza a alteração dos pontos de vista para deixar a resposta a critério o leitor. Uma mulher sofrida sente o peso da desgraça familiar no conto “Fé de muitos gumes”, gerada por um desejo impensado de se livrar dos problemas, sem saber que a maior alegria da vida estava com ela em carne ossos e amor. Há a narrativa homônima que reproduz a música “Dezesseis” de Renato Russo, acrescida de interessantes entrelinhas. No conto “Sétimo Selo” o autor mescla uma visão metafísica, passada ao leitor, à loucura da protagonista. Estas narrativas são fruto de um laboratório literário ao qual o autor de submeteu enquanto cursava as oficinas de escrita criativa, promovidas pelo escritor professor e doutor em literatura Marcelo Spalding.

Votação
O autor também participa de concurso na plataforma Azo, que seleciona e permite a novos autores que publiquem seus trabalhos. Para votar em Elicio, clique aqui e selecione a opção "JOHN GRAFIA". Para saber mais sobre o autor, clique aqui.

Serviço
Livro: O Porquê das Coisas
Publicação Independente
Formato: Ebook
Páginas: 80
Ano: 2016

Livro: Fábrica de Sonhos 
Publicação Independente
Formato: Ebook
Páginas: 96
Ano: 2017

Nenhum comentário:

Postar um comentário