19 de maio de 2015

Resenha: Presságio - O assassinato da freira nua - Leonardo Barros

* Livro cortesia do autor

O livro Presságio – O assassinato da freira nua, de Leonardo Barros, é uma ficção policial que envolve muito mistério e sensualidade.

Sinopse: Alice tem vinte e seis anos e, desde a adolescência, é atormentada por presságios. Desacreditada por psiquiatras, ela é considerada psicótica, até que uma de suas visões a possibilita desvendar um misterioso homicídio. A polícia atribui a autoria do crime ao Beato Judas, um assassino serial de freiras, mas a descrição do suspeito não se parece em nada com o homem que ela viu em sua premonição. Agora Alice terá de correr contra o tempo para provar que não é louca e para evitar que o assassino faça uma nova vítima. Suspense, misticismo e sensualidade se misturam neste fantástico thriller policial que parece ter a capacidade sobrenatural de manter seus leitores alucinados da primeira à última página!
Dois crimes acontecem em um curto espaço de tempo. O primeiro, envolve a morte de uma freira. O segunda, a morte de uma mulher fantasiada de freira. Teriam estes crimes algo em comum? Seriam eles do mesmo autor?

A história se inicia com o primeiro crime e logo em seguida o leitor é apresentado a Alice, que há muito tempo possui presságios, e após passar por uma série de psiquiatras e não obter respostas está prestes a acreditar que é mesmo louca. O curioso é que Alice tem esses presságios de uma forme diferente, eles aparecem quando ela tem um orgasmo.

O delegado Matias e o agente Felipe são colocados para investigar o caso da morte da freira e pouco tempo depois se deparam com um crime semelhante.

Outra situação de conflito surge e uma nova morte implica no rumo da história. Cenas que envolvem manicômio, abuso sexual, detalhes de investigação e suspense.
"Alice permaneceu completamente passiva. Agora não ouvia as palavras que saiam da boca do diretor. Apenas via seus lábios mexendo. Tinha de ser esperta para que pudesse sair daquele lugar miserável".
O autor consegue envolver o espectador na leitura. Mesmo já tendo suspeitas de quem seja o culpado, o mistério ao longo das páginas é intenso. Como um bom livro policial este apresenta cenários bem descritos, detalhes de itens que podem fazer diferenças nas cenas que sucederão.

Recheado de cenas sensuais (por isso recomendo que a obra seja para maiores de 18 anos) o livro se difere de outros romances policiais sem deixar o suspense de lado. A trama também consegue descrever um romance, mesmo que de forma breve. O que deixa o leitor na expectativa em saber qual será o destino do casal.

O que também merece destaque são cenas relacionadas a assuntos médicos, afinal, o autor é médico, e talvez por isso conseguiu descrever bem sensações e detalhar as partes que envolvem a perícia.

Confesso que ao ler o título da obra imaginei milhares de cenas que poderiam envolver uma freira nua e se de alguma forma o livro envolveria a religião. Contudo, o que é descrito é, de certo modo, um fato do século XXI, afinal, já se ouviu falar em casos de padres e freiras envolvidos em relacionamentos amorosos.

Por fim, a conclusão da história é muito boa, de deixar quem lê de queixo caído, mesmo quem já esperasse alguns dos acontecimentos, o leitor é surpreendido pelo principalmente nas páginas finais.

As cenas se encaixam muito bem, e percebemos que o autor trata a obra de uma boa forma. Em suma, é uma leitura fácil, que flui bem e desperta muita curiosidade.

Conheça mais sobre o autor aqui.

Serviço
Livro: Presságio – O assassinato da freira nua
Autor: Leonardo Barros
Páginas: 224
Data de publicação: 2012
Editora: Novo Século
Preço médio: R$ 22,00

2 comentários:

  1. Toda vez que vejo resenha desse livro, me dá mais vontade de ler.
    É tão bom saber que é nacional!
    Está na minha listinha de desejados.
    Gosto de livros que nos deixa de queixo caído.
    Beijinhos
    Rizia - Livroterapias

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também adoro. Pode ler, o livro é muito bom.

      Excluir