31 de março de 2015

Resenha: Sombras do Medo - Camila Pelegrini



* Livro cortesia da Garcia Edizioni


O livro Sombras do Medo, de Camila Pelegrini, é uma distopia nacional que se assemelha um pouco aos livros da série Jogos Vorazes. A obra trata do ser humano e das maldades cometidas por ele, contudo, há um toque mais sombrio e gelado para os fatos.

Sinopse: Em um futuro pós destruição em massa, provocada pelas guerras humanas e desastres naturais - para os quais os humanos também contribuíram grandemente - o mundo é dividido em 5 grandes regiões. Em cada uma delas vivem ordinários e singulares, pessoas com ambições completamente diferentes. Estes dominam o mundo. Aqueles tentam tão somente sobreviver. E ao viverem dessa forma, a bondade beira à extinção. O caos reina em seu lugar, despertando forças malignas que há muito esperam para serem alimentadas. A maior guerra de todos os tempos finalmente começa e a humanidade já se encontra em desvantagem. E em meio a tanto ódio e destruição, será o amor capaz de afastar as Sombras do Medo?

A história começa em um mundo que já sofreu todos os desastres possíveis, de tanto que o ser humano deixou a natureza de lado. A água é poca, quase não chove, há muito trabalho, falta comida, e é difícil sobreviver. Estas, entretanto, são as características dos ordinários. Os singulares, separados dos outros por uma muralha, possuem uma vida melhor, esbanjam água, tem poder e tomam as decisões.

Anabele é uma ordinária que junto de sua mãe Amanda e de seu melhor amigo Vincent procura ajudar no que pode, dando o pouco de sua comida para colegas doentes, lutando e inconformada com esta divisão. A jovem se apaixona por Henry, um homem misterioso que surgiu na província onde ela mora.

Arthur é o presidente deste novo mundo, líder de uma das capitais ele acredita que os singulares são superiores aos ordinários e que esta é uma divisão bem feita.

Pesadelos começam a assombrar algumas pessoas, criaturas estranhas surgem, alguns membros das províncias desaparecem e outros aparecem congelados. O que estaria acontecendo?

Uma guerra sombria, gélida, com mortes, perdas , mas que enfatiza no que a humanidade (do mundo fora do livro) pode se tornar. Não apenas o maltrato com a natureza acabou com o mundo, mas também o fato dos homens serem maus uns com os outros, não enxergar a igualdade que existe entre eles, não ser capaz de ajudar ao próximo, serem escaços no amor, na bondade e na união. A guerra maior não são as armadas, mas sim a que cada um enfrenta consigo mesmo, tratando dos medos e das sombras.
"São pessoas. Ainda há humanidade na humanidade, meu amor. E enquanto cuidarmos dela, não haverá espaço para o resto."
É uma história rápida de ser lida, também porque se passa em alguns dias. As palavras e frases trazem um respiro na página e fazem a leitura fluir bem. Além disso, as ideias da autora estão bem organizadas, o que permite ao leitor perceber a cada fato descrito a mensagem que ela quis transmitir.

Entre essas mensagens estão o amor, o carinho entre família, amigos e animais, o cuidado com a natureza e o bom relacionamento com o próximo, seja ele quem for. Um livro para colocar a mão na consciência e ver o que nós, seres humanos estamos fazendo de errado, e pensar que a bondade é a solução para tais erros.

O final da obra foi bem elaborado e me agradou bastante, o epílogo não se passou anos depois, o que indaga o leitor: Será que a sociedade aprende a lição após vários erros?

Serviço
Livro: Sombras do Medo
Autor: Camila Pelegrini
Páginas: 200
Publicação: 2014
Editora: Garcia Edizioni
Preço médio: R$ 29,00


ATUALIZAÇÃO: O livro agora está na editora Arwen e custa R$ 31,90.

2 comentários:

  1. Oi, Daniela!
    Que feliz que vc teve a oportunidade de ler o SdoM e tenha gostado! Amei a resenha, muito obrigada <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu quem agradeço pela ótima leitura que tive! :D

      Excluir